segunda-feira, 24 de novembro de 2008

CEMITÉRIO -ROMENIA


Aqui os mortos são enterrados de pé.

17 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

Interessante esse post!

Martha gostaria de falar com vc, tem como?

bjs.

João da Silva disse...

Mar(th)avilhosa,
cada vez que venho aqui, ou que vou a seus outros blogs, há uma explosão de prazer. Quem dera poder aprender com você, sempre; respirar os haustos de tanta cultura, de tanta arte...
Não fosse o trabalho que me compele, no dia-a-dia, eu me candidataria a aprendiz, eterno aprendiz, enviando-lhe um currículo.
Beijos carinhosos do João, seu fã incondicional

Giane disse...

Oi, Martha!!!

Como assim, em pé?
Esquifes na vertical?
Há alguma razão histórica ou cultural para isso?
Quantas perguntas, vou pesquisar á respeito!

Beijos mil!!!

Å®t Øf £övë disse...

Nossa... fiquei espantado!!! Para além dos mortos serem enterrados de pé, há muita cor nos cemitérios!!!
Bjs.

O Profeta disse...

Sou palavra perdida no silêncio
Gerada no ventre do Mar
Grinalda de perdidos sonhos
O passado do verbo amar

Amei!
Voar na chegada de cada Primavera
Pintar de luz as cores do verão
Pisei o tapete das folhas de Outono
Acendi em cada inverno uma fogueira de paixão


Convido-te ao encontro com o meu “Eu”

Bom domingo


Mágico beijo

Verónica disse...

Olá amiga. Não me esqueci de si.
E a prova é aceitei logo o seu convite.
Que cemitério!!!Os mortos enterrados de pé? Tão coloridos que afugenta a ideia macabra e pesada da própria morte.Parecem obras de arte trabalhadas ao pormenor!É surreal !Lindo.Gostei.
Beijinhos e boa semana

Luciano Fraga disse...

Costumo visitar cemitérios como uma prática de aproximação da impermanência e eliminação do medo da certeza maior, embora já tenha optado pela cremação, abraço.

Menina do Rio disse...

São diversas formas de cultura!
Bem interessante, essa...

Deixo-te um beijo

Artista Maldito disse...

Olá

Venho em primeiro lugar agradecer-lhe as palavras deixadas no Artista Maldito. Percorri dois dos seus outros blogs, mas foi neste que decidi comentar.Muitissimo interessante porque, como bem diz, a morte e a arte andam, tantas vezes, de mãos dadas. E dou-lhe os parabéns, gostei muito de ter vindo aqui parar,é um blog mais do que original, revela-nos a forma de estar e, paradoxalmente, de viver de vários povos e culturas.

Um Abraço,
Isabel

Dona Sra. Urtigão disse...

Lindo este,por acentuar diferenças culturais.
PS: Desde que descobri este seu blog, ha poucos meses, tenho incluido em minhas andanças visitas para observação de cemitérios e devo lhe agradecer por isso. Quanto tenho entendido dessas diferenças e olhe que meu raio de andanças é bastante curto.
Agradecida.
Abraço!

C Valente disse...

Interessante presumo que seja nos antes será?
saudações amigas

Nocturno disse...

Estranho mas interessante...

As cores inundam
abraçam
um sorriso
que não se esquece.


Beijo Nocturno

João da Silva disse...

Martha, minha linda, sua presença - aqui ou acolá - ilumina caminhos.
Beijos carinhosos do João

O Profeta disse...

Sou coração que segue em silêncio
Nos fios do sublime pensamento
Pela ressurreição de um sorriso
Renasço nas asas do tempo

Esta Terra é degredo dos sonhos
É espelho que distorce o sentimento
É castigo no julgamento do fracasso
É fogo que se cala a todo o momento


Boa semana


Mágico beijo

Douglas Campigotto disse...

Pura Arte!!!

maria tereza disse...

como pintora naif..axo 1 respeito a arte!!!!

A Wild Garden disse...

Tão colorido e tão bonito!